Publicado por: Rogério Tomaz Jr. | 21/10/2011

Gol de Zico – por Eduardo Galeano

Do “Futebol ao sol e à sombra”, melhor livro já escrito sobre esse esporte, nunca canso de dizer.

Gol de Zico

Foi em 1993. Em Tóquio, o Kashima disputava a Copa do Imperador contra o Tokoku Sendai.

O brasileiro Zico, astro do Kashima, fez o gol da vitória, que foi o mais lindo de todos os gols da sua vida. A bola chegou, cruzada ao centro, pela direita. Zico, que estava na meia lua da área, entrou com tudo. No embalo, ultrapassou-a: quando percebeu que a bola tinha ficado para trás, deu uma cambalhota no ar e em pleno vôo, com a cara para o chão, chutou-a de calcanhar. Foi uma bicicleta, mas ao contrário.

– Contem-me como foi esse gol – pediam os cegos.

[Eduardo Galeano, “Futebol ao sol e à sombra”]

O gol que nem Pelé fez

*****

Gol “escorpião” de Zico

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: